terça-feira, 12 de junho de 2012

Suspeito de envolvimento na morte de Décio Sá é executado a tiros

Queima de arquivo? Envolvimento com outros crimes? Estas são algumas das perguntas que se passasam pela cabeça dos delegados após a execução de um suspeitos de envolvimento na  morte do jornalista e blogueiro Décio Sá.

De acordo com informações repassadas pelo delegado Marcos Afonso, um dos responsáveis pelas investigações do Caso Décio, Valdênio José da Silva, de 38 anos, foi executado com cinco tiros de revólver calibre 38.

Ainda segundo o delegado, Valdênio foi morto dentro da casa onde mora, localizada na Vila Pirâmide, no Araçagi, na madrugada desta terça-feira (12), exatamente 49 dias após a morte de Décio. "Provavelmente ele foi morto com tiros que partiram da janela, pois quando chegamos ao local ela estava aberta. Não podemos descartar a possibilidade de deste crime está ligado com a morte de Décio, mas temos que ver outras linhas de investigação", disse Afonso.

 Valdênio foi preso no dia 26 de abril sob suspeita de dar fuga ao assassino do jornalista. Ele foi detido na mesma casa onde foi morto. No dia da prisão, ele estava em companhia de Fábio Roberto Cavalcanti Lima, que continua preso.

Após 30 dias encarcerado, Valdênio foi liberado por não apresentar ligação com o Caso Décio. Já Fábio continua detido, mas por outros crimes.
 
Fonte: O Imparcial
Edição: Cícero Ferraz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário